Não categorizadoTurismo

Rio de Janeiro tem expectativa de 95% de ocupação dos hotéis para o Réveillon

No interior do estado, Miguel Pereira e Arraial do Cabo lideram a procura. Para garantir a segurança de turistas e fluminenses, Governo do Estado mobilizou mais de 22 mil policiais militares
O estado do Rio de Janeiro está de casa cheia, neste fim de ano, com a chegada de turistas para as comemorações do Réveillon. Resultado muito comemorados pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur-RJ) e pela TurisRio. Só na capital, a expectativa dos hotéis é de 95% de ocupação no final de semana da virada. Até o momento, as reservas estão em 81,52%. No interior, a média está em 91,16%. Para garantir a segurança do grande público previsto para as festas da virada do ano em todo o estado, o Governo do Rio de Janeiro e a Secretaria de Polícia Militar montaram um planejamento especial que vai mobilizar 22.490 PMs.
– Esse é um ano histórico no Rio de Janeiro, estamos prestes a bater a visita de mais de 1 milhão de turistas estrangeiros. Esses números mostram que estamos no caminho certo. Estamos prontos para receber turistas de todos os lugares do Brasil e do mundo. Preparamos uma festa linda, com toda a estrutura e, principalmente, com segurança. Reforçamos o policiamento nas ruas e vamos usar todo o nosso aparato tecnológico para que as pessoas se sintam seguras e possam festejar – ressalta o governador Cláudio Castro.
De acordo com uma pesquisa do HotéisRIO e da ABIH-RJ, na capital, de 30 de dezembro de 2023 a 1º de janeiro de 2024, o destaque fica para Ipanema/Leblon, com 94,41% (na noite da virada já está em 96%); Leme/Copacabana, com 83,96%; Barra da Tijuca/Recreio/Jacarepaguá, com 82,20%; Flamengo/Botafogo, com 81,88% e Centro, com 71,09%
Alta procura no interior
Miguel Pereira está em primeiro lugar com 99,20% da rede hoteleira ocupada, seguida de Arraial do Cabo (98,70%) e, empatados, os municípios de Angra dos Reis, Cabo Frio e Paraty (93,50%). Depois estão Rio das Ostras (92,10%), Armação dos Búzios (90,40%), Petrópolis (89,40%), Itatiaia/Penedo (89,30%), Teresópolis (88,80%), Nova Friburgo (88,20%), Vassouras (88%), Valença/Conservatória (86,50%) e Macaé (85,20%).
O secretário de Estado de Turismo do Rio de Janeiro, Gustavo Tutuca, comemora o bom desempenho da hotelaria no interior.
– Mais uma vez temos ótimos números de ocupação hoteleira nas cidades do interior do estado. Isso é fruto de muito trabalho, do nosso compromisso em promover as 12 regiões turísticas do Rio de Janeiro.
Segurança
Para garantir o sucesso da festa na capital, o Governo do Estado do Rio reforçou a segurança em todo o território estadual. Foram mobilizados 22.490 policiais militares e 4.415 viaturas. Só na região metropolitana serão 8.659 policiais atuando na virada, um aumento de 18% em relação ao ano passado.
Em Copacabana, 2.946 PMs vão atuar na orla, um crescimento de 11% comparado ao Réveillon passado. Haverá 30 pontos de bloqueio, sendo 15 deles pontos de revista, com câmeras de reconhecimento facial e detectores de metais, drones e 61 plataformas de observação.
O grande destaque deste réveillon será o videomonitoramento em tempo real da orla de Copacabana, com software de reconhecimento facial.
– O videomonitoramento com reconhecimento facial é uma nova estratégia que facilitará o trabalho, tanto da Polícia Militar quanto dos demais órgãos de Segurança Pública, em um dos momento mais importantes do ano para a cidade do Rio de Janeiro – explicou o Secretário de Estado de Polícia Militar, Coronel Luiz Henrique Pires.
Além de Copacabana, o monitoramento com câmeras de dispositivo de reconhecimento facial será utilizado também nos pontos de revista de acesso à orla da Barra da Tijuca. As câmeras funcionarão integradas ao Centro Integrado de Comando e Controle.
A Delegacia Especial de Apoio ao Turismo (DEAT) também montou um reforço operacional para atendimento, além de firmar parceria com a Secretaria de Turismo, que cederá guias que dominam diversos idiomas para auxiliar os turistas no primeiro atendimento.
O esquema especial de policiamento começa às 08h de domingo (31/12/23) e se estende até 20h de segunda (01/01/24).
Copacabana: uma das maiores viradas do mundo
Quem participar do famoso Réveillon de Copacabana presenciará um espetáculo com 12 minutos de fogos de artifício, disparados por 10 balsas e regidos por uma orquestra sinfónica. Além da pirotecnia, o céu de Copacabana também terá uma apresentação feita por drones. A música está garantida por dois palcos, com o melhor do samba e da MPB com artistas como Teresa Cristina, Diogo Nogueira, Jorge Aragão, Ludmilla, Luísa Sonza e escolas de samba como Império Serrano e Portela, entre outros.
E a festa não se limita à princesinha do mar: espalhados pela cidade, haverá outros palcos em locais como Praia do Flamengo, Praça Mauá, Ilha de Paquetá, Ilha do Governador, Madureira, Ramos, Penha, Bangu, Pedra de Guaratiba e Sepetiba.
Para o presidente do HotéisRIO, Alfredo Lopes, a união de autoridades do Poder Público com o setor privado é o segredo do sucesso.
– O Rio é um estado que respira turismo, uma indústria fundamental para o desenvolvimento da nossa economia, que tem mais de 700 meios de hospedagens, 45 mil quartos e que gera mais de 100 mil postos de trabalho. Os resultados são animadores e nos dão a certeza de que teremos uma festa espetacular, à altura das expectativas de cariocas e turistas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo