Não categorizado

Brasil e Espanha assinam acordo de promoção e valorização da gastronomia e do turismo

06-09-23 FOTO ACORDO AIBG.png
Acordo entre Brasil e Espanha prevê a promoção da gastronomia e do turismo. Crédito: Roberto Castro/MTur

Aprovada por mais de 90% dos estrangeiros que visitam o Brasil, a gastronomia é um dos grandes atrativos para turistas no país. E para impulsionar cada vez mais o turismo gastronômico, o ministro do Turismo, Celso Sabino,  firmou uma parceria com a Academia Iberoamericana de Gastronomia (AIBG). O acordo, que prevê cooperação na realização de projetos associados também à cultura e à imprensa, foi assinado nesta quarta-feira (06.09) na Embaixada do Brasil, em Madri (Espanha).

O presidente da AIBG, Rafael Ansón, aproveitou a oportunidade para conceder um diploma ao presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em reconhecimento a ações significativas no âmbito da gastronomia e da alimentação. No caso do presidente Lula, a honraria destacou “sua contribuição contra a fome e desnutrição no mundo”.

O ministro Celso Sabino ressaltou a importância da gastronomia para a atividade turística. “De acordo com a Organização Mundial do Turismo, a gastronomia é o terceiro principal motivo de viagens, e o Brasil tem muito a mostrar ao mundo com sua culinária única. Acordos como este assinado no dia de hoje são essenciais para que possamos mostrar toda essa riqueza”, afirmou.

“É uma honra estar na Embaixada desse grande país que é o Brasil, por sua diversidade e dimensão. E, por isso, a Academia vai propor que em 2024 São Paulo seja a capital Iberoamericana da cultura gastronômica e da diversidade”, anunciou Rafael Ansón.

A secretária executiva do MTur, Ana Carla Lopes, elogiou a iniciativa e seus impactos para o turismo. “Essa parceria vai atrair turistas para o Brasil e fomentar a culinária local, atuando assim no crescimento do trabalho, emprego e renda”, avaliou.

A Academia Iberoamericana de Gastronomia agrupa as Academias Nacionais de Gastronomia de 15 países, como Argentina, Brasil, Chile, Espanha, México, Peru e Portugal. O objetivo da entidade é fomentar a divulgação e a proteção da culinária e das atividades gastronômicas dos povos ibero-americanos.

Por Lívia Nascimento

Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo