ABIH-RJ – Associação de Hotéis do Rio de Janeiro
Notícias

Paraísos ecológicos de Campos ganham destaque no Guia de Turismo Rural do Estado

Os cartões postais de Campos dos Goytacazes ganharam destaque no Guita de Turismo Rural, lançado no início desse mês pela secretaria de Estado de Turismo e a Companhia de Turismo do Estado do Rio (TurisRio). O município figura entre as primeiras regiões contempladas no Guia de Turismo Rural da Costa Doce, que engloba mais quatro cidades da região Norte Fluminense.

A região serrana, com atividades de preservação do meio ambiente, desenvolvidas com responsabilidade e comprometimento, por profissionais do ecoturismo que atuam fomentando as potencialidades da região, é o maior atrativo de Campos.

Entre os locais de raras belezas está Rio Preto, no distrito de Morangaba, e o Imbé, ambas na serra e com riquezas naturais paradisíacas, que constantemente ganham destaques nas redes sociais e hoje atraem não só turistas, mas a atenção do Governo do Estado do Rio.

O secretário de Estado de Turismo, Gustavo Tutuca, acredita que essa é uma grande oportunidade de promover esse segmento e Campos tem riquezas naturais que fortalecem o setor.

“Nosso Estado possui muitos atrativos para quem gosta de turismo rural e estamos trabalhando para fomentar cada vez mais esse segmento, contando com a parceria dos municípios, como encontramos em Campos, que vem investindo no ramo e tem projetos expressivos para alavancar ainda mais o setor. Queremos colocar o Estado em posição de destaque como turismo rural, principalmente neste momento de retomada, onde os turistas estão em busca do contato com a natureza”, disse.

No Guia de Turismo Rural da Costa Doce, no qual Campos se destaca pelos inúmeros atrativos, estão as tradicionais cavalgadas, alambique, fazendas históricas, prédios antigos que abrigaram indústrias da cana-de-açúcar nos áureos tempos da atividade, lagoas para a prática de esportes diversos e as belas cachoeiras, em Rio Preto e na região do Imbé, além da praia do Farol de São Tomé e lagoas, de Cima e Feia.

Desde o mês de julho, a prefeitura, por intermédio da secretaria municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, e determinação do prefeito Wladimir Garotinho, vem trabalhando na melhoria e manutenção das estradas de acesso às regiões que exploram turismo rural e o agronegócio.

“São estradas importantes, tanto para a exploração das nossas potencialidades turísticas quanto para o escoamento das diversas produções. Estradas que estavam abandonadas, sem a devida manutenção e que hoje oferecem maior conforto e segurança aos usuários, além de projetos que estarão sendo colocados em prática dentro em breve e que visam alavancar os setores, interligando regiões e destacando Campos no cenário não só estadual, como também nacional”, declarou o secretário de Agricultura, Almy Júnior.

SETOR TURÍSTICO – NOVA HISTÓRIA

Para o prefeito, o anúncio do Guia de Turismo Rural da Costa Doce chegou como presente neste final de ano, fruto de entendimentos alinhavados no início do seu governo junto ao secretário de Estado de Turismo, por intermédio do então subsecretário municipal de Turismo, Diego Dias, hoje vereador em Campos.

“A inclusão do nosso município no roteiro turístico rural do Estado vai nos projetar para o mundo todo, atraindo milhares de pessoas para nossos paraísos rurais, além da nossa querida praia do Farol. As conversas para a concretização do que hoje nos enaltece enquanto roteiro turístico, tiveram início no começo deste ano e, de lá para cá, muito tem sido feito e muito mais será realizado para valorizar nossos pontos turísticos e atrair visitantes, fazendo com que a atividade promova o desenvolvimento econômico e cultural nessas áreas rurais, onde já estamos atuando na melhoria de estradas e instalando placas de identificação e sinalização, como fizemos em Rio Preto. Quem ainda não conhece nossos paraísos ecológicos, fica o convite e o anúncio de que muita coisa boa ainda virá para alavancar e incentivar o setor”, relatou Wladimir, otimista com essa nova história escrita no turismo rural de Campos.

O Guia de Turismo Rural da Costa Doce está sendo desenvolvido por meio de parceria da secretaria de Estado de Turismo, TurisRio, secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento (SEAPPA) e Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Faz parte do projeto a capacitação para agentes de viagens, operadores e, também, guias de turismo e press trips com jornalistas e influenciadores digitais para promoção dos atrativos catalogados no interior.

IDENTIFICAÇÃO E INCENTIVOS

O desenvolvimento das potencialidades locais está entre os projetos em execução, segundo a subsecretária de Turismo de Campos, Patrícia Cordeiro. O trabalho começa com o mapeamento e a identificação dos pontos turísticos, principalmente, os inúmeros voltados ao turismo rural e ao ecológico que, além de explorar as belezas naturais, destaca a importância dos cuidados e preservação do meio ambiente. “Está sendo um desafio, mas é gratificante poder apresentar tantos lugares maravilhosos que poucos campistas conhecem, porém, muitos visitantes prestigiam e ficam encantados. É um trabalho, literalmente, de valorização das belezas naturais do nosso município. Verdadeiramente, uma nova história para o setor”, concluiu.

Fonte: O Dia

Newsletter | Receba conteúdos por e-mail com exclusividade

* indicates required

Notícias relacionadas

Parque Regadas terá trânsito interditado para o Encontro de Carros Antigos

admin

Contagem regressiva para o início da 32ª Bauernfest

admin

ABIH-RJ envia ofício com sugestão de incentivos fiscais para o segmento da hotelaria no imposto do IPTU

admin

Leave a Comment

ABIH-RJ - Associação de Hotéis do Rio de Janeiro Deseja receber notificações com as últimas notícias e atualizações?
Dismiss
Allow Notifications