ABIH-RJ – Associação de Hotéis do Rio de Janeiro
Notícias

Boletim das estradas: confira como fica o acesso a Paraty no feriado prolongado de Tiradentes

Crédito: @fotosincriveis

De acordo com boletim da CCR RioSP, para o feriado de Tiradentes é previsto um aumento no volume de tráfego na Via Dutra (BR-116), entre os dias 20 e 21, saída do feriado, e no retorno, dia 24/04. Neste período são esperados mais de 750 mil veículos. A expectativa é que mais de 330 mil veículos deixem a capital paulista para o feriado de Páscoa. No mesmo período, a previsão de saída da capital fluminense é de quase 200 mil veículos para o feriado.

Confira a previsão de movimento de veículos na via Dutra durante o feriado:

Previsão de tráfego na saída – São Paulo
Quarta-feira (20/04) Horário de pico das 15h às 21h 10.770 veículos por hora
Quinta-feira (21/04) Horário de pico das 6h às 14h 10.148 veículos por hora

Previsão de tráfego no retorno à capital Paulista
Domingo (24/04) Horário de pico das 15h às 21h 8.450 veículos por hora

Previsão de tráfego na saída – Rio de Janeiro
Quarta-feira (20/04) Horário de pico das 15h às 21h 6.269 veículos por hora
Quinta-feira (21/04) Horário de pico das 7h às 12h 6.062 veículos por hora

Previsão de tráfego no retorno à capital Fluminense
Domingo (24/04) Horário de pico das 13h às 19h 7.282 veículos por hora

Confira como fica o tráfego na rodovia BR-101 (Rio-Santos) durante o feriado:
Na rodovia BR-101 (Rio-Santos), entre Ubatuba (SP) e a cidade do Rio de Janeiro, o tráfego já flui pelas duas faixas da pista em quase toda a extensão da rodovia, desde a semana passada, após as equipes de obra e conservação da CCR RioSP avançarem nos serviços de desobstrução da via. O único ponto em que o tráfego flui por apenas uma faixa no sistema PARE E SIGA é no km 33, em Ubatuba (SP).

Assim como ocorreu no feriado da semana passada, durante o feriado prolongado de Tiradentes, as obras na rodovia serão suspensas para melhorar a fluidez do tráfego. No entanto, a concessionária manterá equipes de plantão para atuar em ocorrências de desobstrução de pista.

Trecho São Paulo
Em Ubatuba, o tráfego flui pelas duas faixas da pista em quase toda a sua extensão, que vai do km 52 ao km 0, na divisa com Paraty, no estado do Rio de Janeiro. O único ponto onde o tráfego flui no sistema PARE E SIGA é no km 33 (praia de Itamambuca). Neste trecho, a concessionária continua com o serviço de recuperação de parte de faixa da pista que cedeu.

Trecho fluminense
De Paraty (km 598) até a chegada ao Rio de Janeiro (km 380), o tráfego também flui pelas duas faixas da pista. Durante o feriado da Páscoa, o sistema PARE E SIGA, entre Angra dos Reis e Mangaratiba, está suspenso.

Cinto de segurança
Durante o período de maior movimento na rodovia, a Concessionária reforça a sua campanha de segurança ‘Use sempre o cinto de segurança’. Entre as ações, os colaboradores da CCR RioSP gravaram spots com orientações e dicas de segurança. A ação conta ainda com mensagem nos painéis de mensagens variáveis (PMVs). Quando utilizado de maneira correta, o cinto de segurança aumenta entre 40 e 50% a chance de sobrevivência dos ocupantes do veículo. A campanha também reforça o uso da cadeirinha para crianças.

Desconto do Usuário Frequente
O motorista de veículo de passeio que estiver em viagem pela Via Dutra tem direito ao Desconto do Usuário Frequente, o DUF. O desconto é válido desde o dia 01/03, para o proprietário de veículo de passeio e pode chegar a 73%, dependendo da praça de pedágio e a quantidade de vezes que o motorista passar.

Como funciona
Conforme o contrato de concessão assinado entre a concessionária e a ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), o DUF é válido apenas para veículos Categoria 1 (veículos leves tipo automóvel, caminhonete e furgão), Categoria 3 (veículos leves tipo automóvel, caminhonete e furgão com semirreboque) e Categoria 5 (veículos leves tipo automóvel, caminhonete, furgão com reboque) que utilizam as pistas automáticas. A identificação será automática e os descontos serão proporcionalmente maiores, de acordo com a quantidade de passagens realizadas dentro do mês.

Os motoristas começarão a receber descontos a partir da segunda passagem pela mesma praça e mesmo sentido de direção realizadas dentro do mês. Os valores terão redução progressiva até a 30ª passagem, no mesmo mês por sentido de cada praça. A partir da 31ª passagem no mês, a tarifa mínima será cobrada em todas as passagens adicionais até o final do respectivo mês calendário. Os valores serão descontados automaticamente para o pagamento da fatura enviada pela operadora do TAG instalado no veículo.

Outro desconto oferecido para o motorista que viaja pela Via Dutra é o Desconto Básico de TAG, o DBT. O desconto de 5% na tarifa do pedágio é válido tanto para o motorista de passeio ou comercial. Para ter direito ao desconto na tarifa, bastar ter instalado no veículo um adesivo com a TAG eletrônica colada no para-brisa, e utilizar as cabines de cobrança automática. Importante frisar que a TAG deve estar válida.

O desconto independe da praça, sentido e quantidade de vezes que o motorista passar pela praça de pedágio. O desconto é válido, inclusive, para os embarcadores que utilizam o vale pedágio, se o serviço for contratado para uso das pistas automáticas, receberão desconto de 5% nas passagens pelas pistas automáticas.

Fonte: CCR RioSP

Newsletter | Receba conteúdos por e-mail com exclusividade

* indicates required

Notícias relacionadas

Confira a programação especial de carnaval do Urikana Boutique Hotel em Teresópolis

admin

Número de passageiros voando pelo país cresce 20% em 2021

admin

Abertura da temporada de transatlânticos em Cabo Frio é adiada para dezembro

admin

Leave a Comment

ABIH-RJ - Associação de Hotéis do Rio de Janeiro Deseja receber notificações com as últimas notícias e atualizações?
Dismiss
Allow Notifications