Bunka-Sai: 14ª edição do evento é oficialmente aberta no Palácio de Cristal

Festa da Cultura do Japão de Petrópolis comemora os 115 anos da imigração japonesa no Brasil

Na entrada do Palácio de Cristal, o Torii – portal japonês que antecede a entrada de templos budistas e santuários xintoístas – recebe turistas e petropolitanos. No Japão, o Torii representa um portão para o sagrado e símbolo de respeito religioso.

Neste clima de muito respeito, alegria, cordialidade e confraternização, foi celebrada a abertura da 14ª edição do Bunka-Sai, a Festa da Cultura do Japão de Petrópolis, na noite desta quinta-feira, 17, no Palácio de Cristal.

A solenidade foi aberta pelo Coral Infantil do Projeto Sol, Som e Movimento, do Instituto Caminho da Roça. Com regência de Gabriel Moreira e acompanhamento de Raphael Macedo ao piano, presentearam o público com canções japonesas, seguidas dos hinos do Brasil e do Japão.

Participaram da solenidade de abertura o vice-prefeito de Petrópolis, Paulo Mustrangi, a secretária Chefe de Gabinete, Luciane Bomtempo, as secretárias de Cultura, Diana Iliescu, e de Turismo, Silvia Guedon, e outras autoridades locais, além das presenças ilustres do cônsul-geral do Japão no Rio de Janeiro, Ken Hashiba, da cônsul-cultural do Japão no Rio de Janeiro, Rina Ishikawa, da deputada estadual Elika Takimoto e do presidente do Instituto Cultural Brasil/Japão, Sohaku Bastos.

Esta é a segunda vez que o cônsul-geral do Japão participa do evento e faz questão de ressaltar o encantamento com a festa. “O Bunka-Sai tem uma grande importância histórica, tanto para os brasileiros quanto para o povo japonês. Já visitei outras festas Nikkeis no estado do Rio de Janeiro, mas só em Petrópolis vejo este nome ‘Bunka-Sai’, escrito em japonês. Agradeço profundamente a Prefeitura de Petrópolis, a Associação Nikkei e todos os envolvidos por manterem viva e divulgarem a cultura japonesa”, agradeceu o cônsul-geral do Japão no Rio de Janeiro, Ken Hashiba.

A solenidade seguiu com os tradicionais San San Nana Byoushi, o ritual de boas-vindas, entoado pelo presidente da Associação Nikkei de Petrópolis, Masao Nakashima, seguido do Kagami Biraki, a sangria do barril de saquê. Todo o público foi convidado a brindar ao sucesso do Bunka-Sai 2023, promovida pela Prefeitura de Petrópolis e pela Associação Nikkei de Petrópolis.

“Sou da segunda geração de japoneses da minha família e queremos manter os ensinamentos recebidos pelos meus pais e meus avós. Para nós é muito importante manter esses costumes e tradições e ter a oportunidade de compartilhar com petropolitanos e turistas é muito gratificante”, ressaltou o presidente da Associação Nikkei de Petrópolis, Masao Nakashima.

Para finalizar a noite, apresentações de dança japonesa, o Bon Odori. Duas novas coreografias e o momento de integração, quando o público também foi convidado a participar, em um momento de muita descontração e sinergia entre todos os presentes.

A turista carioca Cintia de Lima prestigiou a abertura do evento ao lado da família e ficou encantada com o que viu. “Achei muito diferente e fiquei surpresa. É tudo muito encantador. Não sabia desta ligação tão íntima de Petrópolis com a história da imigração japonesa para o Brasil. O Palácio de Cristal está lindo e estou super empolgada para curtir mais a programação da festa”, disse Cintia.

Bunka-Sai – Patrimônio Imaterial, Histórico e Cultural do Estado do Rio de Janeiro

O Bunka-Sai foi declarado patrimônio imaterial, histórico e cultural do Estado do Rio de Janeiro pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. O projeto de Lei 1081/2023 da deputada estadual Elika Takimoto foi aprovado em plenário nesta quinta-feira, 17, horas antes da abertura da 14ª edição do Bunka-Sai.

Elika, que esteve presente na cerimônia de abertura do evento e é a primeira deputada descendente de japoneses na Alerj, celebrou a aprovação do PL no plenário da casa legislativa. “Assim que me vi como deputada, sabendo e conhecendo a importância do Bunka-Sai para Petrópolis e para o estado do Rio de Janeiro, fiz questão de protocolar esse Projeto de Lei. É com grande alegria que eu trago esta notícia para vocês: O Bunka-Sai é patrimônio imaterial, histórico e cultural do Estado do Rio de Janeiro. Esta é uma festa, sobretudo, de amizade, de conexão e comunicação entre os povos. Vida longa ao Bunka-Sai!”, exclamou Elika.

O texto do Projeto de Lei destaca a história de ligação entre Petrópolis e o Japão, a trajetória do Bunka-Sai ao longo destes 14 anos e sua importância na preservação e disseminação da herança histórica para a população fluminense.

115 anos da imigração japonesa no Brasil

A 14ª edição do Bunka-Sai comemora os 115 anos da imigração japonesa no Brasil. E a forte ligação entre Brasil e Japão, tão importante para a abertura das fronteiras para que este movimento pudesse começar, foi lembrada durante a cerimônia de abertura.

A secretária de Turismo de Petrópolis, Silvia Guedon, fez um breve retrospecto da chegada dos primeiros diplomatas japoneses ao Brasil, mais especificamente em Petrópolis, em 1987, dois anos após a assinatura do Tratado da Amizade, Comércio e Navegação entre o Brasil e o Japão. O grupo ficou hospedado no antigo Alexandria Hotel, hoje Convento Nossa Senhora de Lourdes. No mesmo ano, foi aberta a primeira legação do Japão, na Avenida Sete de Abril, 609, onde hoje funciona uma pousada que mantém lembranças deste período, no Museu do Japão, que tem entrada gratuita. Anos depois, em 1906, as fronteiras do Brasil foram abertas para a imigração japonesa, a partir de um relatório enviado de Petrópolis para o governo japonês.

“Todos nós brasileiros temos um fascínio pela cultura, arte, religião e resiliência dos japoneses, que ensinam tanto, e nós, petropolitanos, por toda esta ligação, mais ainda. Nos momentos mais difíceis que passamos, tínhamos alguns de vocês nos estendendo a mão”, citou a secretária, referindo-se ao apoio da Jica, Agência de Cooperação Internacional do Japão, grande parceira de Petrópolis em projetos na área de prevenção de riscos. “Até domingo estaremos celebrando, comemorando e vivenciando intensamente esta cultura magnífica, aqui no Palácio de Cristal”, finalizou Silvia.

Programação Bunka-Sai 2023

A diversidade cultural do Japão ganha destaque durante a festividade, com espetáculos de danças folclóricas e músicas inspiradas nos animes mais famosos, oficinas de mangá, origami, palestras, contação de histórias, artes marciais, música tradicional, apresentações de taiko, os tambores japoneses, e outras performances que prometem encantar os espectadores. A programação é realizada dentro do Palácio de Cristal e também nas duas tendas montadas no jardim, com moxaterapia, shiatsu e oficinas.

No interior do Palácio de Cristal, turistas e petropolitanos podem conhecer mais da cultura nipônica em três exposições permanentes: a Exposição de Origami, de Tako (pipas), e um espaço especial sobre os 115 anos da imigração japonesa no Brasil.

Também fazem parte da programação os concursos de Cosplay e de fotografias de cerejeiras, mais uma herança japonesa em Petrópolis.

O Cine Humberto Mauro, no Centro de Cultura Raul de Leoni, recebe a Mostra de Cinema Japonês. Serão exibidas três diferentes produções japonesas ao longo do evento.

“Nós ficamos muito contentes em abrir mais uma festa belíssima como essa que celebra a amizade entre os povos. Quero parabenizar e agradecer a todos os artistas que ajudam a promover esta festa. Que bom que podemos contar com vocês para engrandecer ainda mais o evento. Que todos aproveitem muito esses 3 dias de programação”, destacou a secretária de Turismo, Diana Iliescu.

O Bunka-Sai, Festa da Cultura do Japão de Petrópolis, é realizado pela Prefeitura de Petrópolis em parceria com a Associação Nikkei de Petrópolis. Toda a programação conta com apoio de voluntários, por meio da Associação Nikkei e das Secretarias de Cultura, Turismo e de Esportes. A programação completa da 14ª edição do Bunka-Sai está no site oficial do evento: https://web2.petropolis.rj.gov.br/bunka-sai/.

Para mais informações sobre o Bunka-Sai 2023, meios de hospedagem, atrativos e demais informações sobre Petrópolis, consulte o Disque Turismo, por meio do 0800 024 1516 ou WhatsApp: (24) 2237-3321. O Disque Turismo funciona de segunda a sábado, das 9h às 17h, e domingos e feriados, das 9h às 14h.

*Confira os horários de funcionamento do Bunka-Sai 2023*
Palácio de Cristal
17/08 (quinta-feira) – 18h às 22h
18/08 (sexta-feira) – 9h às 23h
19/08 (sábado) – 9h às 23h
20/08 (domingo) – 9h às 21h
Entrada gratuita

Related posts

Projeto “Cabo Frio Sempre o Melhor Destino” já começa a surtir efeito positivo para turismo da cidade:

Festival Delícias do Vale do Café acontece em junho

Guia completo do CADASTUR – O que é, benefícios, importância e como se cadastrar (Atualizado 2024)