Destinos

Conheça a Região da Costa do Sol

Praias e lagoas mostram a beleza da região da Costa do Sol. O roteiro tem sol, mas, vento e é uma boa pedida para quem aprecia esportes aquáticos. Entre os municípios que integram a região estão: Armação dos Búzios, Cabo Frio, Arraial do Cabo, Maricá, Rio das Ostras, Macaé, Saquarema, Araruama, Iguaba Grande, Casimiro de Abreu, São Pedro da Aldeia, Quissamã e Carapebus. A água transparente fez dos municípios da região os mais procurados para quem aprecia o mergulho. Hotéis e pousadas de qualidade, além de restaurantes de gastronomia internacional e uma vida noturna movimentada completam o cenários de belezas naturais, com fortes e igrejas construídas no período colonial. Há vários opções em locais ainda não muito explorados e parecerão o paraíso para os amantes do ecoturismo. No município de Casimiro de Abreu, por exemplo, o raftings é uma das atividades disponíveis.

ARMAÇÃO DOS BÚZIOS:

A linda vila de pescadores que seduziu Brigitte Bardot na década de 1960, ainda guarda lembranças daquela época e mantém o encanto das belezas naturais e com praias praticamente intactas. São 20 praias para escolher entre passeios de barco, mergulho, pescarias, caminhadas ecológicas e surfe. A cidade tem a famosa rua das Pedras, uma das mais movimentadas durante a noite, um glamour a parte e nela há opções de compras e gastronomia variadas. Aliás a culinária buziana é um luxo! Seja pelos quitutes de seus bistrôs, creperias ou principalmente os restaurantes especializados na gastronomia de frutos do mar.

A região ainda tem opções de visitas ao vasto patrimônio histórico e cultural com exemplares arquitetônicos. A proximidade com o Rio de Janeiro, 165km de distância, e o clima estável durante todo o ano, com pouca variação de temperatura são motivos para um fluxo constante de turistas durante o ano todo.

A badalada vida noturna de Búzios é um sucesso! Seja nas boates tradicionais ou mesmo nas áreas abertas das luxuosas pousadas, fazem do lugar um paraíso da diversão e da paquera.
Os meios de hospedagem dispensam comentários.

Armação dos Búzios por ter um território praticamente dentro do mar também possui um dos melhores ventos para prática de esportes náuticos ou mesmo os radicais como skysurf.

Você não pode deixar de visitar essa linda cidade, com certeza vai se apaixonar e querer voltar!

CABO FRIO:

Com uma das melhores infraestruturas da Costa do Sol, a cidade de Cabo Frio está a 14 km de Arraial do Cabo e a 148 km do Rio de Janeiro (pela BR-101, seguida da RJ-124 e da RJ-140).

Possui algumas das praias mais belas do país, como a Praia do Forte, com areias brancas e águas cristalinas que se mostram em tons esverdeados ou azul-claros, deixando qualquer um impressionado. Nesta praia podemos contemplar também o Forte São Mateus, monumento histórico, situado no canto esquerdo da praia, que no período da colonização defendeu a costa da região de invasões estrangeiras e piratas. A bela praia do Peró foi a segunda ganhar a certificação pelo júri nacional do projeto bandeira azul para hastear o símbolo internacional de qualidade.

As praias das Dunas, Foguete, Conchas são lugares que não podem ficar de fora do roteiro e a Ilha do Japonês não precisa de comentários, é um espetáculo a parte.
A cidade possui um aeroporto que traz comodidade aos turistas, vida noturna badalada e diversas feiras gastronômicas durante o ano. O festival gastronômico, realizado entre os meses de setembro e outubro é um sucesso que não pode sair da agenda de um turista atento, um evento único na região que dá “água na boca”.
O segmento da hotelaria da cidade é moderno e dispões de hotéis bem estruturados, sem falar nos chames das pousadas.

Enfim, uma cidade de veraneio, com o autêntico ar de tranquilidade e beleza para desfrutar os bons momentos!

ARRAIAL DO CABO:

Conhecido como o Caribe Brasileiro, formando enseadas de águas tranquilas e transparentes é a capital do mergulho.

O município mantém ares de vila de pescadores e o paraíso dos mergulhadores e fotógrafos que vão à busca dos efeitos do fenômeno da ressurgência que acontece em poucos locais no mundo.
São dezenas de praias paradisíacas, costões, dunas, restingas e lagoas que garantem o título de Capital de Mergulho do Brasil. No costão conhecido como Pontal de Atalaia, pode-se apreciar um magnífico pôr-do-sol.
Arraial do Cabo é uma cidade paradisíaca e os passeios de barcos não podem faltar.
Praias dignas de comercial de TV, gastronomia medalha de ouro, meios de hospedagem totalmente capacitados a receberem os turistas mais exigentes.

A trilha até a praia do forno e o mirante da cabocla não podem ficar de fora, a praia brava (paraíso escondido) não pode ficar de fora dessa aventura e conhecer a praia do farol é uma obrigação de todo turista que se preze.
Arraial do Cabo literalmente é um lugar para sempre ficar em nossas memórias!

MARICÁ:

O município oferece recursos naturais em abundância nas nove praias oceânicas: Recanto de Itaipuaçu, Itaipuaçu, Francês, Zacarias, Barra, Guaratiba, Ponta Negra – com seu histórico Farol da Sacristia e Jaconé e várias praias lacustres, tais como: Araçatiba, Boqueirão, Jacaroá, Gamboa, das Amendoeiras, Saco da Lama, Ponta da Preguiça e Guaratiba. Vale também uma visita à Pedra do Elefante, no Parque Estadual da Serra da Tiririca. Com seus 412 m de altura uma bela vista panorâmica de Maricá.

RIO DAS OSTRAS:

Rio das Ostras com os seus belos contornos naturais e suas 15 praias que encantam pela preservação e infraestrutura é uma ótima pedida para o turista se esbaldar.

Bares, restaurantes e quiosques oferecem o melhor da gastronomia regional. Atrações como a Praça da Baleia, o Parque dos Pássaros (maior viveiro da América Latina), o Festival de Jazz e Blues e o Monumento Natural dos Costões Rochosos não podem deixar de ser visitadas.

A praia da costa azul é muito badalada, enquanto que a praia da joana é uma das mais belas da região.
A reserva biológica da união é uma área verde de extrema importância ao eco sistema e que vale ser visitada. São mais de 7 mil hectares de mata atlântica e tem o espaço de preservação do mico leão dourado e outras espécies em extinção. O monumento natural dos costões rochosos localizado entre a praia da baleia e a praia da joana é um espetáculo a parte.

A praia da boca da barra é uma piscina natural ao ar livre com muita tranquilidade e lugar perfeito para encontro com amigos saboreando os petiscos dos quiosques.

O museu Sambaqui da Tairoba é um patrimônio nacional inaugurado em 2015 e possui um acervo histórico de ossadas da comunidade que ali vivia há 3.500 anos. Vale visitar e fazer o registro.

A praia da virgem é o local totalmente preservado que enche os olhos dos naturalistas de orgulho, lugar tranquilo, preservado e cheio de vida.

Rio das Ostras com a hospitalidade dos seus habitantes possui um vasto número de pousadas com estrutura e conforto para a sua estadia ser ainda melhor. Visite Rio das Ostras!.

MACAÉ:

Macaé é um dos municípios mais prósperos do Rio pela exploração de petróleo na região. Mas a vocação para o turismo ecológico está preservada. Além de abrigar uma faixa do Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba, detém um precioso conjunto de atrações naturais representado por praias, matas, ilhas, rios, cachoeiras e lagoas.

A grande atração turística é o riquíssimo complexo ecológico de Sana, por onde corre o Rio Sana, que se inicia na região serrana, região vizinha a Costa do Sol, da qual pertence Macaé.

Há em Macaé um lugar espetacular chamado arquipélago do Sant´Ana, local super tranquilo.
Se você quer contato direto com a natureza, existem charmosas pousadas na serra de Macaé para se hospedar. O Município oferece um ecoturismo, trilhas e belas paisagens que valem a pena conferir.

A cultura e arquitetura da cidade não passam despercebidos e são pontos obrigatórios no roteiro turístico.

A gastronomia não fica para atrás, a diversidade da culinária macaense faz com que experimentemos os opostos de forma saborosa e aprazível.

A cultura e a gastronomia ganham vários eventos durante o ano inteiro. Vale conferir o calendário.
Macaé por suas diversidades positivas deve ser visitada, não podendo o turista deixar de conhecer!

SAQUAREMA

Este município destaca-se no turismo, por suas praias, especialmente a de Itaúna, muito procurada pelos surfistas. Poucos lugares no Brasil possuem ondas com o porte das de Saquarema, por isso desde a década de 70 a cidade sedia festivais e campeonatos de surf nacionais e internacionais.

ARARUAMA:

Araruama tem 11 km de litoral com praias paradisíacas e lagoas costeiras, sendo os principais cartões postais a Lagoa de Araruama e a Lagoa de Juturnaíba (única de água doce da região), cuja margem abriga a Reserva Florestal de Poço das Antas, habitat do mico-leão-dourado, espécie brasileira das mais ameaçadas de extinção.

IGUABA GRANDE:

Em Iguaba a orla da lagoa, com 3,6 km de extensão tem praias de águas mornas, próprias para a prática do kitesurf, windsurf e vela. Considerada privilegiada por sua tranquilidade e belezas naturais, Iguaba Grande atrai veranistas e assíduos frequentadores, que desfrutam dos seus recantos pitorescos.

CASIMIRO DE ABREU:

O município localiza-se às margens da BR-101, principal rodovia do norte do Estado do Rio de Janeiro e é litorâneo.

Entre os principais atrativos figuram dois rios que cruzam a cidade. O Rio Macaé, com seus 4 km, é interrompido graças às corredeiras locais, onde também é comum a prática do rafting. A principal delas é a da Cascata com 25 m de altura e boa inclinação para a prática do rapel.

O outro rio é o São João, que possui partes navegáveis e praias, como a Praia Grande e a Prainha, onde se pratica mergulho e pesca de arremesso.

As numerosas trilhas levam a picos e montanhas como um vulcão extinto, hoje conhecido como Morro de São João, com 800 m de altura.

O museu Casimiro de Abreu é outra atração que não pode ficar de fora.
Na parte da serra do município, encontram-se os povoados de Barra do Sana,
O distrito de Barra de São João é um polo de turismo ecológico e rural, com meios de hospedagem dignos de bons elogios.

Casimiro de Abreu é simplesmente uma joia a ser admirada e valorizada por todos que amam a natureza!

SÃO PEDRO DE ALDEIA:

A colonização das terras que atualmente constituem o município de São Pedro da Aldeia remonta aos princípios do século XVII. Apresenta atrações de interesse histórico e cultural, como a Casa da Flor. Considerada obra prima da arquitetura espontânea, foi construída por Gabriel Joaquim dos Santos (1892 – 1985), que usous na edificação materiais recolhidos por onde andava: cacos de cerâmica, louça, ladrilhos, e toda uma série de objetos julgados imprestáveis por muitos. Na cidade está localizada a única base aérea naval da Marinha brasileira, criada em 1966. Também se destacam algumas praias, como a Linda e a Ponta da Areia, ambas procuradas por velejadores.

QUISSAMÃ:

Localizada próximo à região sul da Lagoa Feia, as águas doces, mornas e escuras da Enseada do Tatu são uma de suas principais atrações. Nas margens a típica vegetação de restinga é ideal para campings. Surfistas costumam frequentar a Praia do Farol e a Barra do Furado, ambas no norte. Quase 60% da área do Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba fica no município, onde também está localizada a sede.

CARAPEBUS:

O município possui diversos lagos e praias, dentre eles podemos destacar a Lagoa de Carapebus, que com seus 10 km2 atravessa o Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba.

Créditos: Ministério do Turismo

Você também pode gostar:

CARAPEBUS: O guia completo da cidade!

admin

Conheça a Região da Costa Doce

admin

Conheça a Região das Agulhas Negras

admin

Deixe um comentário